• endereço Cascavel - PR
  • email executivo@regna-ventures.com.br
  • contato (45) 9 8422-7656

Tendências Pós-Covid-19

Tendências Pós-Covid-19


Observando a preocupação mundial em como será o mundo após a pandemia venho aqui trazer algumas reflexões sobre alguns hábitos que já tem se tornado prática neste tempo de quarentena. Logo no início do cenário nacional muita gente falava que “o mundo não será o mesmo”, mas lhe pergunto, quando um dia após o outro o mundo é o mesmo? Todos os dias as coisas mudam, o tempo todo estamos em constante evolução, inovações surgem, startups com modelos ainda mais disruptivos são descobertas, cientistas descobrem um avanço tecnológico, enfim, de fato o mundo nunca será o mesmo e se assim fosse, viveríamos como parasitas estagnados, algo contra a nossa natureza ávida por aquilo que é novo e pelo desenvolvimento.

Será mesmo que NADA vai ser como antes? As reuniões a partir de agora serão somente pelo ZOOM ou pelo Google Meet? As escolas deixarão de existir e todos estudarão na modalidade EAD? Todos os shoppings ficarão vazios e todo mundo irá comprar pelo Mercado Livre e em plataformas de e-commerce? As importantes feiras que promovem o conhecimento mútuo e potencializam as transações comerciais serão extintas e agora continuaremos apenas com as LIVES e WEBINARS? A maneira home-office de trabalho que estamos adotando durante este tempo, não seria talvez o jeito correto de muitos trabalhos que exigem o deslocamento de bilhões de pessoas na mesma hora? As viagens a negócios e a passeio irão cessar e o Ifood e o Uber Eats irão substituir aquela reserva romântica naquele bom restaurante com sua esposa? A forma de fazer exercícios será de forma individualizada e não mais em grupo nas academias por aí?


Na verdade todas essas coisas já vinham acontecendo: havia mais gente migrando para a comodidade de pedir seus alimentos pelos aplicativos, é por isso que não param de surgir startups que preenchem essa lacuna do mercado. Muita gente já vinha optando pelo ensino a distância, os grandes prédios das universidades começaram a ficar obsoletos e as vídeo-chamadas que já eram tendência no cenário mundial e vinha contribuindo para o encurtamento de distâncias entre as pessoas, agora começou a ser utilizado em massa. Todas essas mudanças apenas foram POTENCIALIZADAS com a chegada do corona vírus e as pessoas que ainda não experimentaram esse admirável mundo novo digital agora se tornaram clientes.


Entretanto, cabe aqui a ressalva feita por Walter Longo, que: uma sociedade não muda quando ela adota novas tecnologias, mas sim quando adota novos comportamentos. Logo, creio que o mundo que conhecemos hoje não será radicalmente alterado e sim aos poucos, assim como as grandes mudanças da vida que não são repentinas, são pequenas coisas que começamos a fazer e que com o tempo culminam com uma transformação. Desta forma, percebo um comportamento que ainda não mudou entre os mais conectados – o de compartilhar coisas que não conhece ou que nada contribui para a melhoria do ambiente em que estamos, de carona com a PANDEMIA veio uma INFODEMIA.

Sem dúvida cuidar da saúde mental é uma das prioridades que o pós-covid trará. Em muitas pesquisas da Inglaterra a ansiedade, depressão, estresse e preocupação com o isolamento social são maiores do que a perspectiva de ser contaminado com o COVID-19. Uma pessoa pode estar fisicamente isolada e não se sentir sozinha enquanto outra pode estar cercada pela família e ainda assim se sentir sozinha por falta de conexão significativa.


Mídias sociais por funcionarem ao estilo 24 x 7 podem piorar o estado mental de uma pessoa. As diversas LIVES que tem por aí podem retirar pessoas do foco do seu negócio e levar ainda mais preocupação. Logo, é tempo de ser criativo, faça exercícios, aproveite para ler aquele livro que nunca foi lido, faça atividades lúdicas, conte histórias para seus filhos. Angústia e frustração não são problemas de saúde mental mas apenas uma resposta ao tempo que vivemos. O coronavírus irá influenciar grandes mudanças mundiais e mias do que nunca, focar naquilo que importa, SUA CASA e SUA SAUDE MENTAL, será seu diferencial competitivo.

Há alguém soberano que está no controle de todas as coisas. Você sairá bem dessa crise!


Autor: Carlos Alberto Schulze, Consultor e Palestrante em Inovação e Negócios e Diretor da Regna-Ventures

https://schulzeinovacao.com.br/


Voltar Todos artigos